Todos à assembleia dia 30 de junho!

UNIR A CATEGORIA CONTRA A PATRONAL E PARA NÃO SERMOS ENGOLIDOS PELA CARESTIA


Tá tudo ainda mais caro que no ano passado. E com a tendência, como o caso da energia elétrica e gás de cozinha, de ficar mais caro ainda. O preço dos alimentos também subiram muito.


Do outro lado, temos uma patronal que só pensa em desemprego e abusos dentro das garagens para abocanhar ainda mais o nosso salário arrochado pela inflação.

Ainda estamos na pandemia. A falta de vacina para o conjunto da população só piora o cenário econômico. Por isso, a choradeira para demitir continua grande. Precisamos arrancar a estabilidade no emprego das empresas.


Além da estabilidade, precisamos arrancar a reposição da inflação e, também, um reajuste real no salário. Também temos um acerto de contas importante com a patronal em relação ao nossos tickets. Tendo em vista que esse reajuste não foi dado ano passado e, com a inflação, é fundamental que o arranquemos.


Precisamos dizer ainda que, com a pandemia, ganhou ainda mais importância conquistarmos um plano de saúde que seja bancado pelas empresas.


Mas só iremos conseguir isso se a categoria estiver unida. Unida indo às assembleias e unida na hora que tivermos de lutar. Se afrouxar, vão passar por cima. Nossa única força é toda a categoria rodoviária agindo unida em cima de uma mesma ideia.


Mostrando essa força, iremos manter empregos e alcançar o salário que precisamos alcançar já. Salário com reposição e reajuste real!