Dia Nacional de Luta: Sindicato realiza mais um ato



Dia Nacional de Luta: Sindicato realiza mais um ato em defesa da imediata vacinação dos rodoviários, pelo retorno de 100% da frota dos ônibus e em defesa da renda e do emprego dos trabalhadores


Na manhã desta quarta-feira (24/03), Dia Nacional de Luta convocado pelas centrais sindicais e movimentos sociais, a diretoria do Sindicato dos Rodoviários esteve no Terminal Integrado de Joana Bezerra realizando ato exigindo mais agilidade na vacinação dos rodoviários, bem como para o conjunto da população.


Além disso, o sindicato mais uma vez exigiu o uso da frota de antes da pandemia. Frota aquela que já era insuficiente para transportar com decência e segurança os passageiros. Logo, reduzir a frota como tem feito até hoje o governador Paulo Câmara (PSB), transforma-se em um ato criminoso e negacionista quanto aos riscos de contaminação nos ônibus lotados.


Por fim, o ato que o sindicato fez hoje também denunciou o papel de genocida que Bolsonaro vem cumprindo ao desorganizar o processo de vacinação no Brasil e de não se interessar em proteger a renda e o emprego da população neste período de pandemia.


- Por vacina, emprego e auxílio emergencial! - Prioridade na vacinação para rodoviários! - Basta de ônibus lotados, 100% da frota já para não aglomerar!